Procura-se a ciclovia

Em um dia qualquer, a “ciclovia” utilizada diariamente no trajeto para o trabalho pode se transformar nisso, a fase dois das obras de ciclocross. Como de costume, sem sinalização ou rota alternativa.

20130905_074516

Ao se esquivar do caminhão e do equipamento pesado que está  o enchendo,  é inevitável o banho de detritos como saibro, barro, etc. Será  que um dia veremos o trânsito  de pessoas e ciclistas recebendo o mesmo cuidado que o motorizado?

20130905_074525

Ficamos no Aguardo!

Anúncios
Esse post foi publicado em ciclismo veicular, ciclovia, mobilidade, políticas públicas, Porto Alegre. Bookmark o link permanente.

11 respostas para Procura-se a ciclovia

  1. Muito claramente a prefeitura deixa claro que não existe nenhuma prioridade para os ciclistas na cidade. Em primeiro lugar todas as obras da Avenida Diário de Notícias deixaram totalmente destruída a ciclovia nela construída pelo shopping Barra. Nunca em nenhum momento foi cobrado pelos administradores do DMAE o reparo ou substituição total da ciclovia. Provei claramente com fotos que as empresas que destruíram a ciclovia foram as empresas que colocaram os canos coletores do Projeto PISA numa representação que encaminhei ao DMAE e que nem sequer teve resposta do seu Presidente. Agora ultimamente duas vezes foi levantada a ciclovia, para arrumar o curso de um riacho que passa ao lado do Clube Guaíba e foram colocadas no lugar onde foram removidas lajotas, as lajotas quebradas e totalmente sem nenhuma compactação deixando os trilhos abertos pelos caminhões que rodaram por cima da ciclovia em dias de chuva. Em segundo lugar a Prefeitura desde 2009 tenta descumprir o Plano Cicloviário desviando verbas carimbadas o que infringe claramente a legalidade, foi condenada, recorreu, foi condenada; tentou inconstitucionalidade e perdeu, foi condenada novamente e agora encaminha projeto para acabar com este artigo do Plano Cicloviario. Esta Prefeitura e particularmente o Sr. Capellari tentam de todas formas não cumprir a lei que claramente estabelece qual a obrigação dele desviando valores do destino legal.
    Terceiro a Toniolo Busnello e um empregado da Prefeitura que faz tudo isto contra os ciclistas, esta empresa não poderia agir diferente, se muitos dos empreiteiros da Prefeitura se comportam desta foram destrutiva e nunca são punidos. E ainda para todos verem que eles estão nem ligando para ninguém, e são totalmente impunes: fizeram mais de 10 furos no asfalto que serve como rota de ciclistas e pedestres, para colocar placas de advertência de obra e ninguém mandou consertar e pelo visto nem mandarão porque tem estes furos pela Edivaldo até a Ipiranga, tampados com terra.
    Melhorou?…… vá piorar? espera para ver. Saúde a todos.

  2. Fabio Neves disse:

    Quarta-feira, 11/09/2013, fim de tarde na orla do Guaíba (em frente a pista do Marinha): Colocação de arquibancadas móveis do desfile de 20/09 SOBRE a ciclovia/via compartilhada.
    Carros: 4 PISTAS. Pedestres/ciclistas: Menos de 1 metro para realizar o seu transporte/lazer…
    Total descaso, só pra variar.

  3. Luiz Felipe disse:

    E ESSA MERDA PRA QUE SERVE?

    “Licitações Complementares à Matriz de Responsabilidade
    Apoio Operacional à Fiscalização das Obras
    Objeto: PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS TÉCNICOS ESPECIALIZADOS DE APOIO OPERACIONAL À FISCALIZAÇÃO DA EXECUÇÃO DAS OBRAS DE MOBILIDADE URBANA DO PROGRAMA PORTO ALEGRE COPA 2014
    Licitação: Concorrência Pública 002.081007.12.4
    Valor máximo (R$): 16.068.410,02”
    http://www2.portoalegre.rs.gov.br/smf/default.php?reg=38&p_secao=214

    Mais de 16 milhoes pra algum FDP que apoiou a candidatura do DesaFortunati… desde já fica a dica pro companheiro Marcelo Sgarbossa de puxar algo contra essa e mais uma irresponsabilidade dessa prefeitura PODRE!

    • André Gomide disse:

      ´Vamos fechar a SMOV então…ninguém usa ela mesmo…..que nojo

    • Aldo M. disse:

      O projeto das estações dos BRTs ficou a cargo das empresas de ônibus, as obras com as empreiteiras e agora até a fiscalização será terceirizada – a raposa sendo contratada para cuidar do galinheiro.
      Para os cidadãos, que em nada podem participar, ficam as contas para eles e seus descendentes pagarem nas próximas décadas.
      E tudo isso com uma infraestrutura inadequada que irá dificultar e encarecer o transporte, reduzindo as opções mais econômicas de circulação.
      E as dívidas ainda serão turbinadas com juros exorbitantes, afinal os capitalistas precisam levar vantagem em tudo, certo?*
      * “Levar vantagem em tudo” foi uma frase de um comercial de cigarros, dita por um jogador do time campeão da Copa do Mundo de 1970 em plena ditadura militar.
      Parece que estão nos aplicando o mesmo golpe, e essa história termina sempre em uma terrível crise econômica.
      Se deixarmos que aconteça.

  4. André Gomide disse:

    http://www2.camarapoa.rs.gov.br/default.php?reg=20049&p_secao=56&di=2013-08-26

    bike racks em Porto Alegre…pena que não acredito nesta prefeitura. Não vão deixar esta boa idéia vingar…
    Sugiro que criem um post com esta matéria.

  5. Pingback: Dia novo, obstáculo novo | Vá de Bici

  6. Emanuel disse:

    Também tem na câmara um projeto +/- www2.camarapoa.rs.gov.br/default.php?reg=20045&p_secao=56&di=2013-08-26
    Lenga, lenga do capacete.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s