McDonalds se recusa a vender água para ciclista


Porto Alegre, 27 de junho de 2012:

Estabelecimento da rede de “junk food” do McDonalds despreza ciclistas e se nega a vender para o mesmos. Nas palavras de Eduardo Macedo (cuja personalidade creio ser do conhecimento coletivo):

“Eu, Eduardo Macedo fui desprezado no novo McDonald’s na Av. Eduardo Prado.
O motivo: Estar de BICICLETA!!!
Eu não sou muito fã de Mc mas as 02:30 da madrugada é o unico lugar aberto para enganar a fome. Eu estava voltando da Restinga de bicicleta com minha irmã Adriana Macedo e meu amigo Marcelo Castro e decidimos parar para pedir 3 lanches mas, para nossa surpresa não quiseram nos atender pq não tinhamos carro. Eu escutei da boca da gerente que minha bicicleta não tinha motor e que bicicleta não é um veículo. No primeiro momento eu não acreditei e fiz o pedido de novo: Uma água e 3 hamburguers mas, novamente recebi um não e a afirmação que eles não vendem para pessoas que não estão de carro. Uma funcionária chegou a dizer que deviamos pegar um taxi e passar ali. O que mais me deixou indignado é a questão de negar água e me tratarem com indiferença. O LIXO que tem na frente do Mc é uma vergonha e, o pior é que tudo isso parece uma piada de mal gosto.

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado , , , . Guardar link permanente.

18 respostas para McDonalds se recusa a vender água para ciclista

  1. Naldinho disse:

    Sinceramente, acho que fizeram um favor em não vender aquelas porcarias do Mc Donald’s, mas, como sabemos que a motivação da recusa não é a preocupação com a saúde do ciclista, o caso é revoltante.
    Se forem fazer algum ato em relação a isso, fica o meu pedido – NÃO COMPREM NADA, BOICOTEM ESSA MERDA! Passem pelo Drive-thru e não peçam, mas dê lucro para uma rede de “junk food” e que é suspeita de usar de trabalho escravo.

  2. mandras disse:

    simples, eh um drive thru, nao um ride thru. Nada ve reclamar disso, e quem tem o direito de imagem das pessoas ali no video? vamos pedalar e foda-se o ronald

  3. sullivancwb disse:

    Também concordo, nada haver reclamar, era só entrar lá e comprar e pronto, eles estão seguindo regras, vocês vivem em uma democracia e tem que seguir, se quiser mudar isto , mude o seu voto e coloque pessoas lá que façam leis que atendam as tuas necessidades, ao invés de fazer isto porque vocês não vão na camara de vereadores, ou na prefeitura cobrar dos seus representantes como estão os projetos de mobilidade na sua cidade? quantos kilometros de ciclovias precisam? o que eles sabem sobre mobilidade? agendem reuniões, anotem, peçam assinaturas deles em Atas, e depois cobrem, vocês estão no caminho certo rapaziada só precisam mudar o foco, ter objetivos, depois postem aqui os videos dos seus políticos que prometeram e não cumpriram, O PEDAL TEM MUITA FORÇA SIM, não desperdissem !!!!
    Abraço!

  4. Pablo disse:

    É engraçado que o McDonalds tenta vender uma imagem que não tem. Vocês notaram que eles agora tem salada e “maçã de sobremesa”? Não vi pessoalmente, mas isso já virou até piada no FaceBook. Tem também o McCafé com o nome bem escondidinho alí no centro… Mas não adianta, é só falsa imagem porque o way of life mais cedo ou mais tarde iria aparecer.

    Pena que quem vai sofrer é o semi-escravo* trabalhador-atendente.

    * Qualifica a escravidão pois o McDonalds paga menos do que um salário mínimo classificando o trabalho como “ajuda à estudantes”

    • Aldo M. disse:

      Eles vendiam cenouras cruas em formato de batata frita que eram oferecidas como opção saudável. Piada, não é?
      A proposta é exatamente esta, Pablo: vender ilusões. Li num material de treinamento exposto na vitrine da loja da 24 de Outubro que os funcionários deveriam “fazer de toda visita de uma criança ao Mac Donald’s um momento mágico”. A propaganda deles é tão agressiva que a minha filha com 12 meses já sabia o significado do “M” amarelo sem nunca ter entrado numa lancheria: “papá!”, gritava ao ver a placa que existia na Silva Só. Ainda, ela me mostrou na TV, nesta época, uma propaganda subliminar do Mac Donald’s que eu custei a identificar. O jogo deles é muito sujo: marketing direcionado a bebês! Quando ela ficou mais crescida, eu, para contra-atacar, mostrava-lhe que as meninas que comiam no Donald’s eram gordas.

      • fabio disse:

        mandou mal com as gordas amigo

      • Aldo M. disse:

        Eu disse à minha filha que elas eram gordas porque comiam no Mac, ou seja, que a comida engordava. Talvez eu devesse ter usado o termo “obesas”.
        Era na época do filme do “Supersize me” e também havia imagens de crianças magras na caixa do Mac lanche feliz.. Acho que o que eu disse para a minha filha foi algo como: “olha as crianças que eles mostram na caixinha e olha as que estão esperando na fila. Eles querem que tu penses que quem come no Mac Donalds fica como as destas fotos mas as crianças ficam como as que estão na fila.”

  5. Aldo M. disse:

    Aparentemente, eles temem ter que indenizar ciclistas que eventualmente sejam atingidos por um carro. O seguro deles não cobriria esta situação. Foi o que disseram a um ciclista inglês.
    http://www.telegraph.co.uk/news/newstopics/howaboutthat/5736211/Tandem-cyclists-turned-away-from-McDonalds-drive-through.html
    Como todos sabem, em nossa sociedade, quando um carro atropela e fere um ciclista, fica provado que o veículo “perigoso” é a BICICLETA. A velha história do touro na loja de porcelanas…
    Dá próxima vez, vão de picape, que é bem mais seguro..

  6. Claudio disse:

    Tem que denunciar eles a prefeitura e cobrar dela uma multa a eles por jogar lixo na rua é lei. A foto é uma prova incontestavel que o lixo procede do estabelecimento deles.

  7. marcelo disse:

    Ja fui num Habbids umas duas vezes, e foi sem problema.
    Uma vez demoraram para atender pois nao ficava ninguem na janela, olhavam por uma camera. mas como a bike deve ter passado desapercebida demoraram um pouco mas atenderam normal.
    Sugiro uma bicicletada por dentro desse Mcdonalds.

  8. Jeferson disse:

    Pôxa, mas para em qualquer loja de conveniência. Pra que ir no MacDonalds? Esse lixo aí é uma barbaridade.

  9. Luiz disse:

    nao consigo deixar de pensar “bem feito”
    qm mandou ir nessa merda, até a porcaria do AM/PM é menos deprimente. no mais, água da pia, garrafinha sempre e umas laricas perdida pela mochila. boa pedalada

  10. tiagobarufi disse:

    Não perdem nada ao não comer lixo, mas gostaria de deixar meu apoio a uma bicicletada para educar essa gente. Fazer um boicote relâmpago, chegando com trezentas bicicletas e muita festa, e pedir água da torneira.

  11. Renato S. Pecoitz disse:

    Amigos esses lanches são uma grande porcaria. Mas o que se não se admite, é a maneira que nossos amigos foram tratados. Educação zero e que nenhum ciclista retorne a essa porcaria.

  12. Fico triste com todo tipo de discriminação que acontece, e sim elas acontecem, e muito! Porém, deixo meu depoimento de que já por diversas vezes cheguei morta de cansada de pedais na estrada e parei no Mc, dali do Parcão e, entrei com bike e tudo para tomar sorvete! Já fiz isso diversas vezes!

  13. Aldo M. disse:

    Lição política do episódio: Não podemos jamais criar dependência da iniciativa privada para termos acesso à um mero copo de água.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s