Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

12 respostas para

  1. Coisa horrível, tomara que tirem essas porcarias da rua.

    • Matheus disse:

      É verdade. Deviam ao menos diminuir consideravelmente com a quantidade de mini-máquinas de poluição e destruidoras do todo. Carros são horriveis mesmo!

      • Belzebul disse:

        Duh… Eu pedalo todo o dia pra ir e voltar pro trabalho. Não estou defendendo os carros, sua mula. Mas essa pseudo-arte desses pseudo-intelectuais é igualmente horrível: enfeiam a cidade (que já é feia pra caralho).

      • Marcelo disse:

        É óbvio que são feias, Belzebul, são bicicletas amassadas por colisões com automóveis. A idéia não é que elas sejam bonitas, mas chamar a atenção para a violência no trânsito.

  2. Marcelo disse:

    Eu só achei as bicis muito brancas, tão parecendo Ghost Bikes. Acho que tinha quer ter mais vermelho nelas. Pelo menos na foto, mal dá pra notar o vermelho.

    • Belzebul disse:

      (Não posso responder in-line ali em cima por causa de alguma bizarrice to WordPress) Sim, entendo a idéia, só acho que há formas mais sutis (tipo a campanha que desenha uma borboleta no chão pra representar atropelamentos – “Vida Urgente”). Enfim, isso é algo bem subjetivo, mas pra mim só enfeia ainda mais a cidade.

      • Marcelo disse:

        Campanhas sutis não são eficientes. Não adianta sermos sutis, ficarmos desenhando borboletinhas no asfalto, isso não ajuda em nada, não conscientiza ninguém. A morte no trânsito não é sutil, é violenta, e é preciso que todos vejam que tem gente morrendo no trânsito e que isso não é bonitinho como uma borboleta branca.

  3. Belzebul disse:

    (Em resposta ao Marcelo – não posso responder in-line por causa do WordPress)

    Bom, de novo, isso é bem subjetivo. Eu acho eficiente. E menos intrusivo. Colocar cacarecos velhos nos postes não vão conscientizar ninguém. Vai ocupar espaço de uma bicicleta que, por exemplo, poderia estar ali esperando o momento para atravessar uma avenida movimentada. Esse tipo de campanha não leva a nada.

  4. Siri disse:

    Sou favorável a todas as intervenções pacíficas em prol da bike. No entanto, penso que as bikes “+Amor -Motor” não deveriam ser tão parecidas com as Ghost-Bikes, são manifestações diferentes, que acabam se confundindo.
    Boas pedaladas.

  5. Marcelo Sgarbossa disse:

    Vamos jogar mais tinta vermelha nelas para não confundir com as Ghost!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s