Convite para audiência!

Recebi agora direcionado a minha pessoa.

Prezado Senhor,

De ordem do 1º Promotor de Justiça, da Promotoria de Justiça de Habitação e Defesa da Ordem Urbanística, Dr. Luciano de Faria Brasil, convido vossa senhoria para participar da audiência no próximo dia 29 de dezembro de 2011, às 14h30min, no 14º Andar, da Torre Sul, Sede do Ministério Público, com o escopo de tratar do assunto referente aos passeios ciclísticos em Porto Alegre, que ocorrem na última sexta-feira de cada mês, denominado de Massa Crítica.

Atenciosamente, 

Paulo Godoy Júnior,

Secretário de Diligências.

Fui autorizado a convidar alguns amigos interessados.

O Marcus Brito e o Marcelo Sgarbossa também estão convidados.

Quem quiser ir por favor avise para combinarmos.

Precisamos de subsídios sobre as negligências da prefeitura.

Abraço.

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

31 respostas para Convite para audiência!

  1. Marcelo Sgarbossa disse:

    Também fui avisado agora de tarde.

    Estarei lá, não como representante, mas para fornecer ao Ministério Público um contra-ponto ao vídeo-denúncia que o Capellari da EPTC mandou para os Promotores.

    Faço esta resalva de não ir como representante por dois motivos:

    1) porque, por concepção, característia e princípio, ninguém representa a Massa Crítica;

    2) e, por ninguém representar, não poder assumir nada EM NOME DOS OUTROS. Digo isso pois é provável que as instituições (MP, Brigada Militar, EPTC), vão querer fazer um acordo com os participantes da reunião para que isso se reflita sobre os demais participantes. Isso é impossível. Ou alguém pretende se responsabilizar pelo comportamento de outras 300 pessoas?

    Ou seja, na minha opinião, a ida nesta audiência é para fazer o contra-ponto e colocar a verdade sobre uma celebração pacífica chamada Massa Crtítica (mesmo que tenhamos que expor algumas contradições, tal como aqueles 2-3 guris que ficam pulando de bicicross no meio do grupo).

    Abraços

    marcelo sgarbossa

    • PinhaFixa disse:

      Já falei com eles mil vezes… mas não adianta. Eu ando de fixa, uma bike que imprime altas velocidades, imagina eu andando a 50Km/h no meio da massa critica. Aquela gurizada não se deu conta de que ali não é lugar pra ficar se exibindo, mas quem faz free-ride faz exatamente aquilo, o desafio de andar nos lugares mais inusitados possiveis e a qualquer hora. Na massa de Setembro um deles começou a pular aquelas contenções de concreto no meio da Cristovão e caiu, se esborrachou na contra mão… imagine se viesse um ônibus, ele teria caido debaixo, e adeus massa critica. Acho que cabe a todos nós vetar esse tipo de comportamento, se um moleque desses fizer uma cacaquinha que seja o ministério publico irá com certeza vincular a todos, inclusive as senhoras de 60 anos, como free-riders inconsequentes. E eu não gostaria de ser rotulado por meia duzia de adolescentes inconsequentes. Quando falo passo por chato de galocha, e vejo a maioria fazendo pouco caso, minha mulher quase foi derrubada por um, e já vi meninas que foram derrubadas por outros, e já vi eles caindo por si mesmos. Na ultima massa teve um moleque que andava feito um retardado e deu de cara num container de lixo, o palito ajudou a recolher ele do chão… espero que a partir de já as pessoas comecem a chamar a atenção dessa criançada, que não tá nem aí pra ciclovia, nem aí pra modal, nem aí pra liberdade de andar de bike… por que pra eles andar de bike é andar onde é impossivel andar… pulando muro, empinando nas calçadas e tirando fino de gente idosa… como eu já vi, espero que na próxima massa apareçam outros “tio chato” pra dar um puxão de orelha nessa molecada… Abraço.

  2. PinhaFixa disse:

    Eu gostaria de ir no ministerio publico!

  3. airesbecker disse:

    Alguém estudou o plano cicloviário e gostaria de ir?

  4. Marcelo disse:

    Amigxs,
    Mandei e-mail para Fortunati, Capellari e Busato hoje sobre as reuniões com a EPTC que pararam de acontecer. O Fortunati rapidamente respondeu dizendo que não sabia que as reuniões tinham parado, que é pra elas continuarem e que vai ver o que aconteceu.

    Ficamos no aguardo da resposta.

    • Aires Becker disse:

      Será que o Fortunati sabe da trapalhada do Carrolari (gostei do apelido) da EPTCar?
      Pois o Carrollari vai ser derrotado.
      Não há futuro para ele.
      Certas coisas se vai contra o tempo, contra o sentido da história e a luta é inglória o fracasso é o destino.
      Duas hipóteses:
      1a – Parecer do MP favorável à legalidade do MC = derrota do Carrollari.
      2a – Parecer do MP pela ilegalidade do MC, o Carrollari se obriga a colocar a polícia para inibir os ciclistas, imagina a notícia no Jornal Nacional e a repercussão internacional = suicídio político em ano de eleição + derrota do Carrollari.

    • Melissa disse:

      O Fortunati respondeu um e-mail?!
      Corram para as colinas, vai chover!

  5. Jeferson disse:

    Mais uma reportagem. Os comentários mostram a alma – no caso, carroção – de alguns portoalegrenses. Segundo o jornalista, não há nenhuma agressão ou “radicalismo” nos vídeos. E agora Carrolari?

    http://zerohora.clicrbs.com.br/rs/geral/noticia/2011/12/video-imagens-de-cameras-de-monitoramento-da-eptc-mostram-manifestacao-do-massa-critica-na-capital-3609070.html

  6. lobodopampa disse:

    Estou disposto e disponível (espero que sim) a acompanhá-los nesta ida ao MP.

    É de suma importância, mas não tarefa fácil, esclarecer já nas preliminares da conversa – antes de entrar no mérito e nos argumentos – que ninguém que estiver lá “representa” outras pessoas.

    Creio que o Sgarbossa e o Ayres estão bem preparados para isso.

    Momento histórico.

    Atitude vai ser tão (ou mais) decisiva quanto as próprias palavras.

    • airesbecker disse:

      Modestia parte, eu tenho bastante habilidade para fazer defesas orais, desenvolvi em anos de atuação.
      Mas vou lá, juro, mais para escutar como curioso, pois não imagino onde pode querer chegar o Capellari, ou ele é um gênio da política e vai nos surpreender ou está desastrado, pois seria uma loucura colocar a polícia para inibir os ciclistas em pleno eleitoral.
      Me custa crer que ele tenha respaldo para isto.
      Acho que o Fortunati nem sabe e vai ficar furioso quando souber o que Capellari está fazendo.

      • Marcelo disse:

        O Capellari tá usando a suposta agressão como desculpa para ter cancelado as reuniões com os ciclistas. Em e-mail que o próprio Fortunati me encaminhou, o Capellari diz:

        “Caro Prefeito Fortunati e Sec. Busatto.

        O GT criado para montar a campanha de conscientização dos Motoristas em relação aos ciclistas não avançou, devido a varias dificuldades os representantes do Massa Critica nunca se entenderam e durante o processo nunca deram a aprovação final para finalizarmos o material da campanha, vamos finalizar com outros ciclista que continuam colaborando.

        Sobre as manifestações do Massa Critica que e realizada toda a ultima sexta feira de cada mês, enviamos um DVD ao Ministério Publico, mostrando imagens do comportamento agressivo e inadequado de parte do grupo e foi marcada audiência na quinta feira as 14:30, para tentarmos um acordo em relação as manifestações; Quanto a continuidade das reuniões se na reunião de quinta feira no Ministério Publico, chegarmos a um acordo pretendemos retomar imediatamente.”

      • Marcelo disse:

        O legal é que o Capellari também fala no e-mail quando acontece a Massa Crítica. Se quiserem levar cópia desse e-mail no MP, essa é uma prova de que as autoridades estão avisadas.

      • Olavo Ludwig disse:

        Eu participei do tal GT para elaborar uma campanha e não tinha nenhum representante da massa crítica, pois isto não existe, e todos os ciclistas que participaram se entenderam muito bem, fomos em várias reuniões escolhemos com cuidado cada palavra a ser colocada no folder e no final a eptc elabora um folder desprezando praticamente todo o conteúdo discutido nas reuniões, e depois o Capellari vem com essa conversa, por favor.
        E outra coisa, as reuniões sobre as ciclofaixas eram independentes dessas e também foram esquecidas quando a pressão dos ciclistas tornou-se grande em relação a cobrança de execução do Plano Diretor Cicloviário, talvez tenhamos nos tornado um incômodo maior e acabamos sendo ignorados a partir daí.

      • airesbecker disse:

        Marcelo podes me mandar cópia deste mail.

      • Marcelo disse:

        Mandei para este teu e-mail.

  7. Olavo Ludwig disse:

    É só aparecer no horário e local?
    Provavelmente eu poderei ir, mas ainda não tenho certeza.

  8. Felipe Koch disse:

    Tenho disposição para ir, se for do interesse.

  9. Melissa disse:

    Eu quero ir! Dá pra simplesmente chegar?
    Dia 29 vai ser meu aniversário, vai ter bolo hein.

  10. Aldo M. disse:

    Infelizmente não estou em PoA nesta semana. Adoraria poder assistir a essa reunião.
    Sobre trancar o trânsito, ontem, peguei um engarrafamento nos viadutos da BR-101, em Tubarão. Levei nada menos que 6 horas para vencer míseros 3 km, assim como milhares de outros automóveis. Não havia nenhum acidente e a PRF disse em reportagem que era por causa do movimento vindo do RS em direção a SC. Que explicação para justificar uma velocidade de meio km/h em plena rodovia Federal! Qual deve ter sido o prejuízo para País e para as pessoas aprisionadas horas em uma estrada? Que vergonha! Havia até um grupo de 4 crianças andando de bicicleta que se divertia indo e voltando pelo meio da pista por toda a extensão de um viaduto, entre os carros, caminhões e ônibus parados. Ah, e também havia vários sorveteiros, um deles com sérias deficiências de locomoção empurrando um triciclo, mas ainda muito mais rápido que os automóveis.
    Desculpem pelo assunto fora de tópico. Sei que a questão agora é o suposto bloqueio de automóveis por 5 minutos por um grupo de ciclistas arrogantes que quer impor seus direitos previstos na Constituição e no Código Brasileiro de Trânsito na marra.

  11. sara disse:

    eu não entendi se é uma audiência pública (que deveria ser aberta) ou é só para “convidados”… posso ir?

  12. airesbecker disse:

    Sim Sara você pode ir, não é audiência pública pois é como Largo: “é só para público qualificado”.
    Mas agora você é convidada.
    Nós somos convidados, mas não é pública, no sentido que qualquer um não pode entrar só para perturbar.

  13. airesbecker disse:

    Quem for pode fazer o favor de ligar para lá e perguntar se tem onde colocar as bicicletas!
    Obrigado.´

    http://www.mp.rs.gov.br/promotorias/promotoria?lseq=1202

  14. Cristiano disse:

    No prédio há um bicicletário na garagem (entrada pela Aureliano). Perguntem ao brigadiano. Desejo boa sorte!!

  15. Também vou, pode ser?
    Enrico

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s